Niagara 00

- Damaris de Angelo

.

Você certamente se recorda dos antigos desenhos do Pica Pau e deve lembrar o episódio icônico em que o personagem é tomado por uma vontade obsessiva de descer as cataratas Niagara Fools em um barril, sendo impedido constantemente por um guarda (72º episódio da série).

O episódio foi baseado em fatos reais. Esta é a história da primeira doida a sobreviver 51 metros de queda nas Cataratas do Niágara.

Annie Edson Taylor é o nome da vitoriana disposta a qualquer coisa por um tico de adrenalina e uns trocados no bolso. Aos 63 anos de idade, viúva, de história sofrida, Annie era incapaz de sentir pena de si.

Niagara 01Na época do acontecimento, Annie estava em busca por um significado para a sua vida. Vinda de uma família composta de oito crianças, Taylor perdeu o pai muito cedo. Estudou para ser professora e perdeu seu único filho quando ele ainda era criança. E como se não bastasse, ficou viúva pouco tempo depois.

Niagara 02

Annie passou muito tempo mudando de emprego e cidade, buscando algo que pudesse oferecer segurança financeira. Como alternativa para evitar passar o resto de seus dias em uma casa sem recursos, ela sabia que deveria fazer algo dramático. Ciente de que naquela época a chance de sucesso na indústria era nula para uma viúva velha, a mulher decidiu chocar multidões, jogando-se no precipício aquático dentro de um barril.

Niagara 03

Primeiro, Annie levou sua ideia até um agente, um cara chamado Frank Russel. Juntos eles chegaram até as Cataratas do Niágara para convencer os oficiais que ela se jogasse de lá. Outros malucos que inspiraram Annie a encarar o desafio, haviam morrido na tentativa de atravessar o rio dentro do barril, mas para convencer os oficiais que era capaz de executar a missão, Russel e Annie propuseram um teste.

Niagara 04

O “voluntário” para o tal teste foi um gato. Ele foi colocado no barril e jogado Niágara abaixo. O gato sobreviveu à queda com apenas um machucado na cabeça, e isso foi o suficiente para receber a autorização dos oficiais. Dois dias depois, era Annie quem estava dentro do barril.

Niagara 05

Como descrito na edição de outubro de 1901 do The New York Times, milhares de pessoas se reuniram na parte inferior das Cataratas para presenciar o espetáculo, apesar do ceticismo. Seu empresário também havia sido avisado que poderia enfrentar um processo se algo desse errado.

Niagara 06

Cerca de 20 minutos após a queda, o barril com Annie foi avistado na superfície da água. Assim como o gato, Annie havia sobrevivido com apenas uma pancada na cabeça, que a deixou inconsciente. Pouco tempo depois Annie acordou e andou até a beirada do rio.

Niagara 07

Ao contar a experiência para os repórteres, Annie disse: “Eu rezei cada segundo que estive lá dentro, exceto por alguns segundos que estive inconsciente. Ninguém deve fazer isso novamente. Se esse fosse meu último suspiro, pediria pra ninguém fazer o que eu fiz. Eu prefiro caminhar até a boca de um canhão, sabendo que meu corpo cairia aos pedaços, do que fazer isso novamente.”Niagara 08

Após o espetáculo, seu empresário desapareceu com o barril. Russel deu o golpe para que pudesse ganhar as recompensas fingindo que uma mulher com a metade da idade de Annie havia saltado as Cataratas. A viúva gastou o resto de suas economias contratando detetives para conseguir seu barril de volta, mas sem sucesso.

Niagara 09

Mesmo depois de pedir que nunca fizessem o que ela fez, em 1906, Annie deu o segundo salto como tentativa de escrever um livro sobre suas experiências e reconstruir o desafio diante das câmeras. A gravação nunca foi vista e é considerada perdida. Consequentemente, Annie foi capa dos noticiários no dia seguinte. Em sua segunda tentativa desesperada para evitar a pobreza, a viúva não conseguiu evitar seu trágico futuro.

Annie passou os últimos dias de sua vida posando para cartões postais turísticos em réplicas do seu barril. Até hoje, 16 pessoas tentaram o mesmo que ela. Destas 16, 5 morreram e 11 sobreviveram.

Fonte: Ideia Fixa

One thought on “A dama vitoriana que pulou as Cataratas do Niágara num barril

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>